Visitantes Online:  4

Home Page » Recanto da Leitura  
 
 
 
 

RECANTO DA LEITURA

 
 
 
 
<<< VOLTAR

  O Grande Despertar para a Mensagem de A.A.
Nos dias atuais, a Irmandade de Alcoólicos Anônimos tem aproximadamente 6.000 Grupos em todo o Brasil, onde cerca de 90.000 membros participam ativamente, considerando-se uma média de 15 membros por Grupo. As informações dizem que o Brasil é o país onde o AA mais cresce e já no ano de 2001 representava um índice de 18,4% dos membros de AA fora do berço da Irmandade: Estados Unidos e Canadá. Estima-se ainda que o Brasil possui mais ou menos 10 milhões de pessoas dependentes do álcool.
O Programa de Recuperação sugerido por Alcoólicos Anônimos representa um verdadeiro compartilhar de experiências, proporcionando um novo aprendizado de vida. Nele compartilham-se histórias e dificuldades e se descobre que não estamos sozinhos. Descobre-se que outros já passaram por sofrimentos bem parecidos. Que superaram suas dificuldades. Que estão vivendo uma nova vida! É quando surgem dois esquecidos sentimentos: o de perdoar-se e também o de aceitar-se! É como se o coração estivesse aumentando em si mesmo a sua influência!
Quando recebemos a mensagem e chegamos logo em seguida a um Grupo, nos envolvemos num misto de curiosidade, ansiedade e grande dose de vontade para saber de imediato a cerca de tudo que nos convença a abandonar a bebida.
E já nos primeiros dias, quando identificamos o clima espontâneo das reuniões e ouvimos atentamente sobre o alcoolismo visto como doença, passamos daí para frente a encarar a nossa vida com um pouco mais de amor e fé. Começamos a nos espiritualizar. Passamos a nos amar mais. E nestes momentos, invariavelmente, nos surpreendemos muitas vezes fazendo por nós, algo que nunca e em momento algum já tivéssemos feito anteriormente. Ou o que é pior, (ou melhor), ou alguém feito para nós! Os nossos “valores” começam a ressurgir das cinzas!
Este despertar vivenciado já nos primeiros dias é a base de nossa programação. É através dele que descobrimos a Humildade, a Tolerância e a Aceitação. É através dele que nos “encantamos” pela Irmandade e passamos a nos envolver mais e mais dentro de um princípio de Gratidão. É a Gratidão que nos Abre a Mente e nos impulsiona à Prestação de Serviços dentro de AA e pelo AA.
Ninguém quer ser alcoólico. Ninguém nasce alcoólatra. Ninguém decide: vou beber para perder meu emprego. Perder minha família, perder meus amigos! Ou para desafiar aos pais. Ninguém quer ter a imagem de um “pé inchado”, “pedinte” ou “daquele velho de pele enrugada” que não saí do balcão do bar, que muitas vezes foi o primeiro a abri-lo, para tomar a “primeira” da manhã!
Mas, infelizmente esta é uma das faces expostas da doença do alcoolismo que parte de nossa sociedade apenas vê. Outras facetas existem e em todos os segmentos. Foram estas visões estigmatizantes e degradantes, vistas pela sociedade que criaram os porquês da negação da doença, fazendo com que exista uma ilusória preservação da auto-imagem, que só faz alongar o sofrimento do doente alcoólico, impedindo-o de encontrar um Grupo de Alcoólicos Anônimos, onde acertadamente encontrará outros iguais em plena Recuperação e Sobriedade!
Identificar o alcoolismo como doença demora muito, em virtude da negação da própria pessoa em admitir-se impotente perante ao álcool. Enquanto a pessoa não reconhecer a sua própria doença, não haverá um tratamento eficaz.
Admitir-se impotente perante o álcool é um dos maiores gestos de grandeza, para nós que ainda não “aprendemos” a beber, durante todos estes anos de tentativas e “derrocadas” pelo álcool, além dos sofrimentos causados àqueles em nossa volta!
A Programação de AA sugere um Plano de 24 horas evitando o Primeiro Gole. Repetindo-se a cada 24 horas ou a cada momento presente! Onde o importante situa-se em: Não ir ao Primeiro Gole!
Sugere ainda, que você seja o seu próprio fiscal ou o “eterno vigilante” de sua Sobriedade. O Programa recomenda a freqüência às reuniões, principalmente daquele Grupo onde você ingressou, o seu Grupo Base, mas, que visite também outros Grupos, para conhecer novas experiências.
Nos Grupos sempre se encontram “velhos mentores”. São aqueles membros com um pouco mais de experiências que ainda freqüentam, compartilhando suas histórias de como se livraram do álcool e como superaram todos os seus problemas e assim “dando de graça o que de graça receberam” exercitam o princípio da Gratidão para com a Irmandade.
Por outro lado, a freqüência às reuniões assegurará que os antigos hábitos, gradativamente, passarão a ser substituídos por uma reformulação de vida, com o resgate da auto-estima e do amor próprio, alicerçados na Honestidade, Boa Vontade e Mente Aberta propostas pelo Programa de Recuperação sugerido por Alcoólicos Anônimos.
Participando de AA descobrimos que o alcoolismo é uma doença que atinge todas as camadas sociais e de todas as idades haja vista o fluxo de seus membros. Descobrimos também o excelente relacionamento que existe com os segmentos da Sociedade no campo da Medicina, no campo da Justiça, no campo da Educação e junto a Imprensa.
Descobrimos que como “formiguinhas”, existe em cada Comunidade, um “batalhão” de abnegados Servidores sempre atentos e dispostos à levar a Mensagem Seja Onde For!
Descobrimos que para os Serviços em AA não existe a remuneração para os seus membros.
Descobrimos que para ser membro não se paga taxa ou mensalidades.
Descobrimos que o Anonimato é um dos maiores alicerces espirituais que a Irmandade possui. Que ninguém é identificado nem lá entre os iguais e nem quando sair de cada reunião. Que seus testemunhos são mantidos em sigilo absoluto: “Quem você vê aqui, O que você ouve aqui. Quando sair daqui. Deixe que fique Aqui”.
Descobrimos que os Princípios da Irmandade são colocados acima das Personalidades de cada um. Descobrimos que é uma Obra de Amor! Vale a pena conhecer. Vale a pena participar!

CAMPOS S.




<<< VOLTAR